Saúde mental


Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS) cerca de 31% a 50% da população brasileira podem vir a apresentar pelo menos um episódio de transtorno mental durante a vida e destaca que a saúde mental é uma prioridade. O fato é que milhares de pessoas com problemas de saúde mental são discriminadas e marginalizadas.

"A saúde mental ainda é vista com preconceito por muitos. Mesmo em sofrimento, existe uma ideia que buscar ajuda é "para fracos" e que "todos tem que saber lidar com seus próprios problemas".

"Nem todo sofrimento mental precisa ou deve ser tratado de forma medicamentosa. Muitas vezes a abordagem psicoterápica e mudanças de hábitos de vida podem auxiliar na busca do equilíbrio emocional"

O tratamento para saúde mental visa estabilização emocional e/ou medicamentosa do paciente e retorno as atividades diárias o mais breve possível, portanto não visam grandes tempos de permanência na instituição.